julho 16, 2024
16/07/2024

Os residentes do Gradim recebem assistência médica indispensável

Telegram
Facebook
WhatsApp
Twitter
Os residentes do Gradim recebem assistência médica indispensável

Na Colônia dos Pescadores do Gradim, realizou-se a Operação Saúde na quarta-feira (24). Um grupo de profissionais em ação levou atendimento de saúde aos pescadores, suas famílias e aos moradores do bairro. A Operação Saúde, conduzida pelo Núcleo de Educação Permanente em Saúde (NEPS) da Secretaria de Saúde e Defesa Civil da Prefeitura de São Gonçalo, não apenas ofereceu serviços de saúde, mas também divulgou programas do Departamento de Programas (DEPRO).

Desde o início do evento, uma pescadora e auxiliar administrativa da Colônia de Pescadores foi encaminhada para o Pronto Socorro Central (PSC), no Zé Garoto. Uma delas apresentava níveis elevados de glicose no sangue e a outra estava com pressão alta. Maria de Fátima Arão de Oliveira, 51 anos, diabética, mas estava há uma semana sem tomar sua medicação regularmente.

O primeiro serviço que ela buscou na Operação Saúde foi a medição da glicose, mas acabou recebendo atendimento adicional. “Eu preciso desses atendimentos. Não consigo marcar consulta por conta do trabalho e estou conseguindo tudo aqui hoje. Já descobri que minha glicose está alta”, conta Maria de Fátima, minutos antes de ser levada para o hospital.

A situação também ocorreu com Maria Aparecida dos Santos Oliveira, 66 anos, que além da diabetes, teve problemas com pressão arterial. “Eu estava me sentindo estranha desde domingo e piorou hoje. Quando mediram minha pressão, confirmaram que estava alta. A Operação Saúde aqui foi uma sorte”, disse Maria Aparecida, também encaminhada para o PSC.

A Operação Saúde oferece serviços como aferição de pressão e glicose, testagens rápidas de infecções transmissíveis (ISTs) como sífilis, HIV e hepatite, além do exame de PSA para detecção precoce de câncer de próstata e vacinação contra gripe. Os resultados positivos nos exames são encaminhados para tratamento nas unidades de saúde.

Na primeira edição da Operação Saúde para os pescadores na Praia das Pedrinhas, em Boa Vista, Rubens da Fonseca Vianna, diagnosticado com hepatite e cirrose hepática, foi encaminhado para tratamento e agora está curado. Nesta quarta-feira (24), ele retornou à Operação Saúde para tomar a vacina e incentivar outros pescadores a buscar os serviços disponíveis.

“A primeira vez fui diagnosticado com hepatite e cirrose e fui encaminhado para tratamento, e hoje estou curado. Voltei para incentivar todos a utilizarem os serviços. Se não fosse essa Operação, não sei onde estaria hoje. Parei com tudo e, em breve, estarei de volta ao trabalho”, conta Rubens.

A Operação Saúde atende diversos bairros da cidade. Na última semana, os trabalhadores de um estaleiro receberam atendimento, totalizando 478 atendimentos realizados.

Vinkmag ad
Telegram
Facebook
WhatsApp
Twitter